Salmo 028 - Súplica e Ação de Graças

 
Clamo a ti, Senhor, meu rochedo: Não sejas surdo para mim! Se ficares calado, serei igual aos que descem à cova. Escuta minha voz suplicante, quando te peço auxílio, quando te levanto as mãos para teu santo tabernáculo! Não me arrebates com os ímpios nem com os malfeitores, que ao próximo saúdam, com malícia no coração! Trata-os segundo seus atos e conforme suas más ações! Retribui-lhes segundo a obra de suas mãos, paga-lhes o que merecem, porque não atendem às ações do Senhor nem às obras de suas mãos. Que ele os derrube para nunca mais os reerguer!
Bendito seja o Senhor, que escutou minha voz suplicante! O Senhor é minha fortaleza e meu escudo: nele confia meu coração.Fui socorrido e meu coração exulta, e eu lhe canto, agradecido. O Senhor é a força de seu Ungido, sua fortaleza de salvação. Salva teu povo, abençoa tua herança, apascenta-os e conduze-os sempre!

www.valever.com.br

[Voltar]