Salmo 084 - Peregrinação e Saudação ao Templo

 

Como são amáveis tuas moradas, Senhor Todo-poderoso! Minha alma se consome de ânsia pelos átrios do Senhor, meu coração e minha carne vibram de alegria pelo Deus vivo. Até o pássaro encontra um abrigo, e a andorinha um ninho, onde colocar os filhotes, perto de teus altares, Senhor Todo-poderoso, meu rei e meu Deus. Felizes os que vivem em tua casa, louvando-te sem cessar!
Felizes os homens que, em ti, encontram sua força, que tomam a peito as peregrinações! Quando atravessam o vale de Bacá, convertem-no em oásis, como as primeiras chuvas que o cobrem de bênçãos. Caminham com vigor sempre crescente, até aparecer o Deus dos deuses, em Sião. Senhor, Todo-poderoso, escuta minha oração, presta-me ouvido, ó Deus de Jacó. Ó Deus, vê quem é nosso escudo: contempla a face de teu Ungido. Um dia, em teus átrios, vale mais que mil; prefiro ficar no umbral da casa de meu Deus a hospedar-me na tenda dos ímpios, porque o Senhor Deus é sol e escudo, o Senhor concede favor e Glória. Ele não priva da felicidade os que procedem retamente. 
Senhor Todo-Poderoso, feliz o homem que em ti confia!

www.valever.com.br

[Voltar]