Salmo 089 - A Aliança Davídica

 

Cantarei eternamente os favores do Senhor; minha boca proclamará tua fidelidade de geração em geração. Sim - digo eu - teu amor mantém-se para sempre como o céu, onde estabeleceste tua fidelidade: "Fiz esta aliança com meu eleito, jurando a Davi, meu servo: Estabelecerei tua descendência para sempre, e te construirei um trono, de geração em geração". - Os céus proclamaram as tuas maravilhas, Senhor, e tua fidelidade, na assembléia dos santos. Quem, sobre as nuvens, se compara ao Senhor ? Quem é igual ao Senhor entre os filhos dos deuses ? Deus é terrível no conselho dos santos, mais temível que todos os que o circundam. Senhor, Deus Todo-poderoso, quem é igual a ti ? Poderoso és tu, Senhor, e tua fidelidade é teu cortejo. Tu dominas a fúria do mar; quando se sublevam as águas, tu as amansas. Trituraste o cadáver de Raab, dispersaste os inimigos com o poder de teu braço. Teu é o céu, tua é a terra; fundaste o mundo e quanto ele contém. O Norte e o Sul, tu os criaste; o Tabor e o Hermon exultam com teu nome. Tens o braço cheio de vigor, a mão forte, a destra erguida. A justiça e o direito são as bases de teu trono, amor e fidelidade tornam acessível tua presença. Feliz o povo que sabe aclamar-te! Eles caminharão à luz da tua face, Senhor. Em teu nome rejubilam todo dia, e se orgulham com tua justiça. Sim, tu és sua honra e sua força,; com teu favor se ergue nossa fronte, porque ao Senhor está sujeito nosso escudo, ao santo de Israel, o nosso rei. Outrora falaste, em visão, dizendo aos teus fiéis: "Dei meu apoio a um herói, do meio do povo exaltei um eleito. Encontrei Davi, meu servo, ungi-o com óleo sagrado. Minha mão o sustentará, meu braço o fortalecerá,. Não o surpreenderá o inimigo, o ímpio não o oprimirá, pois esmagarei diante dele os adversários e ferirei os que o odeiam. Minha fidelidade e meu amor estarão com ele; em meu nome se erguerá sua fronte. Colocarei sua mão sobre o mar, sua direita sobre os rios. Ele me invocará: "Tu és meu Pai, meu Deus, rocha de minha salvação". E eu farei dele meu primogênito, o mais elevado entre os reis da terra. Para sempre lhe guardarei meu amor, minha aliança com ele será estável. Estabelecerei sua descendência para sempre, e seu trono como os dias do céu. Se seus filhos abandonarem minha lei e não seguirem seus decretos, se violarem meus preceitos e não guardarem meus mandamentos, eu punirei com a vara suas transgressões, e seus pecados, com açoites; mas não retirarei dele meu amor nem invalidarei minha fidelidade. Não violarei minha aliança nem mudarei o que saiu de meus lábios. Uma vez jurei por minha santidade, e não faltarei à palavra com Davi: sua descendência durará para sempre, e seu trono será como o sol diante de mim. Como a lua, que sempre permanece, testemunha fiel do céu". (pausa) - Tu, porém, o repeliste e rejeitaste, irritado contra teu Ungido. Renegaste a aliança com teu servo, conspurcaste na lama seu diadema. Abriste brechas em todas as suas muralhas, desmantelaste suas fortalezas. Saquearam-no todos os que passavam, e ele tornou-se o ludíbrio dos vizinhos. Exaltaste a destra dos adversários e alegraste todos os inimigos. Embotaste o fio de sua espada e não o apoiaste no combate. Puseste fim ao seu esplendor e derrubaste por terra seu trono. Abreviaste os dias de sua juventude e o cobriste de ignomínia. Até quando, Senhor, esconder-te-ás para sempre, e arderá como fogo tua cólera ? Lembra-te como é breve minha vida, quão efêmeros criaste todos os filhos dos homens! Quem viverá sem ver a morte, quem livrará sua vida das garras do abismo ? Onde estão, Senhor, teus favores de outrora, o que juraste a Davi por tua fidelidade ? Considera, Senhor, quantos ultrajes contra teus servos carrego no peito, da parte de muitos povos! Como proferem injúrias, Senhor, teus inimigos! Como injuriam os passos de teu Ungido! Bendito seja o Senhor para sempre! Amém! Amém!

www.valever.com.br

[Voltar]